Mix de Oleaginosas: Quantidades, Tipos e Benefícios Poderosos que vão mudar o seu corpo e sua saúde para sempre!

Tempo de leitura: 6 minutos

Mix de Oleaginosas: Quantidades, Tipos e Benefícios Poderosos que vão mudar o seu corpo e sua saúde para sempre!
5 (100%) 1 vote

Acredito que todo mundo em um determinando momento da vida, teve vontade de balancear sua alimentação. O grande problema é que comer de forma correta dá um certo trabalho. Pela loucura do dia-a-dia acabamos por optar aquilo que é mais rápido e assim quebramos aquela alimentação saudável que estávamos começando. Será que existem alimentos saudáveis que podem ser consumidos de forma rápida e realmente são benéficos para saúde? A resposta é sim. Vamos mostrar nessa matéria o grande mix de oleaginosas que existe e o que cada uma delas pode fazer pela sua saúde.

Se você iniciou a semana com a promessa de querer fazer uma boa dieta, mas passa segunda, terça, quarta-feira e essa dieta não começa a dica que darei agora é para você.

O que são oleaginosas?

Oleaginosas são consideradas sementes ou frutas, elas também são chamadas de: frutas oleaginosas e sementes oleaginosas, também existem os óleos de algumas frutas que fazem parte desse grupo de alimento.

Benefícios das oleaginosas

As nozes, como também são conhecidas, são uma ótima fonte de proteína vegetal, vitaminas e potássio. Elas são o alimento vegetal que apresentam a maior quantidade de antioxidantes, que são responsáveis por prevenir doenças cancerígenas, são anti-flamatórias e combatem o envelhecimento precoce.

Os mix nuts ou mix de oleaginosas são excelentes fontes de nutrientes para nossa organismo, elas melhoram o nosso funcionamento corporal, são antioxidantes, ajudam a emagrecer e possuem vários outros benefícios. Apesar de as oleaginosas serem ricas em gordura e calorias, consumindo na medida certa elas são excelentes escolhas para manter hábitos saudáveis, emagrecer e ter mais disposição.

Quanto é uma porção de oleaginosas?

Pela regra a grande maioria das oleaginosas são consumidas em pouca quantidade e o ideal é não passar de um punhado por dia. Agora existem algumas como a castanha do pará que possui grande quantidade de selênio e que precisa ser consumida em menor quantidade. Através de estudos feitos pela revista Men’s Heath a quantidade ideal de castanhas do pará por dia são no máximo duas.

Existem vários tipos de oleaginosas como já foi dito e logo abaixo irei falar sobre cada uma delas.

Veja também nosso artigo sobre como perder gordura na região da barriga.

Mix de Oleaginosas

Castanha de Caju:

Existem várias pesquisas que mostram a qualidade desse alimento e uma delas é combater a pressão alta, a depressão e casos de síndrome do intestino irritável.

Esta oleaginosa é fácil de encontrar e é muito poderosa, ela é bem vitaminada e contém uma quantidade muito boa de proteína, e ainda de quebra ela possui a quantidade de gordura reduzida em comparação com outras nozes.

Amêndoas

As amêndoas são uma das oleaginosas com mais nutrientes, elas possuem a maior quantidade de proteínas de todo o mix de oleaginosas.

Elas são ótimas para tratamentos de doenças tais como: queda de cabelo e osteoporose, pois são ricas em magnésio e cálcio. Elas também são excelentes para pessoas portadoras da diabetes, pois ela controla de forma poderosa o nível de insulina no sangue. Além disso, elas ajudam a manter o cérebro saudável, conseguindo agir de forma maravilhosa contra doenças degenerativas.

Nozes

Uma pesquisa foi realizada pela Universidade de Marshal, universidade pública dos Estados Unidos, mostrou em sua tese que se você ingerir nozes todos os dias na medida certa (um punhado no máximo), ela combaterá doenças como o câncer de cólon e de mama, além de combater o câncer em pessoas que já são portadores da doença.

Além disso o consumo diário de nozes ajuda em tratamentos como problemas circulatórios e síndromes metabólicas, já que existe uma grande quantidade de óxido nítrico nessa pequena maravilha, o óxido nítrico dilata os vasos sanguíneos melhorando a circulação do sangue no corpo.

Castanha do pará

Essa fruta oleaginosa também é incrível, dentre todas do mix de oleaginosas elas possuem a maior quantidade de selênio e são ótimos para fortalecer o sistema imunológico, prevenir doenças degenerativas cerebrais e são antioxidantes. A castanha do pará também é útil para melhorar a circulação do sangue, pois possui aminoácidos como: arginina e resveratrol.

Se você consumir mais do que o recomendado por dia (2 castanhas do pará), você correrá o risco de ter toxidade crônica causada pelo excesso de selênio, logo notará fragilidade e perda de cabelo e unhas.

Pistache

O pistache também é um alimento muito rico em nutrientes, ele protege nosso corpo contra os radicais livres. O pistache tem um diferencial muito interessante: ele é fantástico para proteção dos nosso olhos, isso acontece por conta da presença do nutriente zeaxantina e luteína. Eles agem de tal forma que protegem nossos olhos contra os raios UV.

Tente sempre consumir pistaches sem a casa tá! Algumas casquinhas possuem fungos que podem fazer mal ao organismo.

Amendoim

O amendoim apesar de bem pequeno é muito poderoso, ele contêm potássio e magnésio, vários atletas consomem este alimento como pré-treino.

Na composição de nutrientes do amendoim encontramos: vitamina e, fitosteróis, tripofano e resveratrol. Essas substâncias combatem o envelhecimento celular precoce e melhoram o nosso humor.

Assim como as outras oleaginosas que fazem parte do mix é importante consumir na medida certa, principalmente para quem tem acne.

Macadâmia

A macadâmia é também um alimento muito rico em nutrientes, ela contêm: magnésio, potássio, proteínas vegetais e vitaminas. Além desses nutrientes você vai encontrar a presença de ômega 9 e 7 nessa rica oleaginosa.

Ela ajuda a aumentar a qualidade óssea, pois também tem cálcio, melhora a função cognitiva e reduz a oxidação do cabelo e pele.

Essa fruta oleaginosa também ajuda a melhorar a saúde dos dentes, além é claro dos ossos do corpo, como já foi dito, pois ela contém cálcio e fósforo.

Por possuir uma vasta quantidade de gorduras a macadâmia assim como o resto das oleaginosas deve ser consumida na medida certa.

Conclusão

Para deixar claro, apesar de já ter dito várias vezes durante a matéria, você deve prestar atenção na quantidade de consumo de cada oleaginosa, se preferir vá á um nutricionista e se informe da quantidade ideal para você consumir de acordo com seu metabolismo.

Escolha as melhores opções que você gosta ou peça ao nutricionista para lhe passar as que mais se encaixam dentro do que você precisa de nutrientes.

Se você unir as oleaginosas na sua alimentação, você logo notará a diferença de humor, energia e saúde do seu corpo, pele e cabelos.

Ficou alguma dúvida? Você já consuma oleaginosas? Compartilhe esta matéria com seus amigos nas redes sociais, comente aqui em baixo, pode deixar alguma crítica construtiva ou sugestão. Sempre estamos dispostos a melhorar.

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta